Foi divulgado no Diário Oficial desta sexta-feira, 03 de maio, o edital de concurso público do Banco de Brasília para o preenchimento de 100 (cem) vagas no cargo de Escriturário, da Carreira Bancária, e para a formação de cadastro de reserva. O Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) tem a responsabilidade do certame.

Todas as provas serão realizadas no Distrito Federal. Os candidatos que ingressarem no quadro de pessoal do BRB serão regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

O Banco conta hoje com 122 pontos de atendimento, sendo: 116 agências (101 no Distrito Federal , 05 localizadas em outras capitais: Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, Rio de Janeiro, São Paulo; 01 em Unaí e 09 no interior do Estado de Goiás), além de 06 PAs do Distrito Federal.

A principal área de atuação do BRB é Brasília. O Banco de Brasília detém as contas de todos os funcionários do Governo do Distrito Federal. Com o propósito de impulsionar o esporte, a cultura, a educação, a arte e o empreendedorismo na região, o BRB apoia projetos nestas áreas e traz para Brasília eventos de destaque no cenário local e nacional.  É o banco recolhedor dos tributos do GDF: IPTU/IPVA, multas do Detran e GPS. O BRB é também o Banco “pagador” dos salários dos empregados do GDF.

Cargo

Para concorrer ao cargo de Escriturário, o candidato deve ter  concluído o ensino médio. O cargo tem missão de executar as atividades administrativas e bancárias; atuar em salas de autoatendimento orientando, vendendo e divulgando produtos e serviços do banco, além de efetuar operações diversas, sob orientação superior, visando contribuir para a plena execução dos trabalhos da área e para o adequado atendimento à clientela.

O salário será de R$ 3.204,26, por jornada de trabalho de 6 (seis) horas diárias, caracterizando 30 (trinta) horas semanais.

Além dos salários, os profissionais contarão com:

  • a) participação nos lucros e nos resultados, nos termos da legislação pertinente e do Acordo Coletivo vigente;
  • b) possibilidade de participação em Plano de Saúde e em Plano de Previdência Complementar;
  • c) auxílio Refeição/Alimentação nos termos da legislação e do Acordo Coletivo vigentes;
  • d) auxílio Cesta/Alimentação nos termos da legislação e do Acordo Coletivo vigentes.

Inscrição do Concurso

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 08 horas do dia 09 de junho de 2019 e 22 horas do dia 15 de julho de 2019, no site oficial da banca organizadora do certame (//www.iades.com.br). A taxa de inscrição custa R$56,00.

Provas do Concurso

As provas objetiva e discursiva serão aplicadas na data provável de 18 de agosto de 2019, no turno da tarde e com a duração de 4 (quatro) horas. Os locais, datas e horários de aplicação das provas objetiva e discursiva serão divulgados no site da banca organizadora (//www.iades.com.br) na data provável de 2 de agosto de 2019.

Prova objetiva

A prova objetiva será composta de 60 (sessenta) questões, de múltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas em cada questão, para escolha de 1 (uma) única resposta correta; de acordo com a pontuação total, quantidade de questões e os pesos definidos de acordo com o quadro abaixo.

Área de ConhecimentoNúmero de QuestõesPesoTotal de pontos
Língua Portuguesa818
Raciocínio Lógico e Matemática616
Uso de Tecnologias em Ambientes Corporativos414
Governança Corporativa e Compliance414
Inovação313
Lei Orgânica do Distrito Federal e Regime Jurídicos dos Servidores do Distrito Federal212
Realidade étnica, social, história, geográfica, cultural, política e econômica do DF e da RIDE313
Conhecimentos Específicos30130
Total6060

Serão considerados aprovados na prova objetiva os candidatos que obtiverem o mínimo de 50% (cinquenta por cento) da pontuação total máxima permitida para a prova objetiva. 11.5 Se do exame de recursos da prova objetiva resultar anulação de questão(ões), a pontuação correspondente a cada questão que tiver o seu gabarito anulado será distribuída, proporcionalmente, entre as demais questões da prova de mesmo peso, ou seja:

a) no caso de anulação de questão no bloco relativo aos Conhecimentos Gerais, a distribuição da pontuação da questão anulada será feita única e exclusivamente nas questões de conhecimentos gerais, mantendo-se a pontuação máxima permitida para esse conjunto de questões em 30,0 (trinta) pontos;

b) no caso de anulação de questão no bloco relativo aos Conhecimentos Específicos, a distribuição da pontuação da questão anulada será feita única e exclusivamente nas questões de conhecimentos específicos, mantendo-se a pontuação máxima permitida para esse conjunto de questões em 30,0 (trinta) pontos.

Prova discursiva

A prova discursiva será aplicada no mesmo dia, turno e dentro dos prazos de duração previstos para a realização da prova objetiva. A prova discursiva terá o objetivo de avaliar, com base em proposta apresentada pela Banca Examinadora e relacionada aos conhecimentos constantes do conteúdo programático no edital, a capacidade de expressão na modalidade escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa.

A prova discursiva consistirá na elaboração de texto dissertativo e(ou) descritivo, com extensão mínima de 20 (vinte) linhas e máxima de 30 (trinta) linhas, com base em tema formulado pela Banca Examinadora, primando pela clareza, precisão, consistência e concisão.

Com base na lista organizada na forma do edital, serão avaliadas as provas discursivas dos candidatos aprovados na prova objetiva e classificados até as posições-limite a seguir indicadas, observados os empates na última posição:

a) listagem geral: até a 560ª (quingentésima sexagésima) posição;

b) listagem específica para os candidatos que se declararam com deficiência: até a 140ª (centésima quadragésima) posição.

Será eliminado e não terá classificação alguma no concurso público o candidato que obtiver nota na prova discursiva inferior a 60% (sessenta por cento) da pontuação máxima para esta etapa, ou seja, 6,00 (seis) pontos.

Informações do concurso

  • Concurso: Banco de Brasília
  • Banca organizadora: IADES
  • Escolaridade: médio
  • Número de vagas: 100
  • Remuneração: R$ 3.204,26
  • Inscrições: entre 08 horas do dia 09 de junho de 2019 e 22 horas do dia 15 de julho de 2019
  • Taxa de Inscrição: R$56,00.
  • Provas: 18 de agosto de 2019
  • Situação: PUBLICADO
  • Edital do Concurso